A mudança da fotografia e da Moda nos selvagens anos 60 [Filme – We’ll Take Manhattan]

 Moda, rebeldia, fotografia…

welltakemanhattan01

We’ll Take Manhattan é um telefilme feito pela BBC e que está em cartaz no canal a cabo CINEMAX, que conta uma das histórias, que mudou os rumos do editorial da revista Vogue e a maneira que o jovem inglês [O nascimento do Swinging London] seria visto pelo mundo.

O foco do filme é o inverno de 1962, onde o então desconhecido fotógrafo David Bailey [vivido pelo desconhecido Aneurin Barnard] e sua musa Jean Shrimpton [com a belíssima Karen Gillan], foram mandados de Londres para N.Y para fotografar um editorial de moda, para mostrar os novos caminhos da Juventude Londrina.

Bailey foi um dos mais jovens fotógrafos a ser contratado pela Vogue. Seu temperamento forte contrastava com a atitude de suas fotos, mas ele só estaria completo ao formar a parceria com Jean, uma jovem criada no campo, que resolveu se tornar modelo. Bailey encontrou em Jean o que sempre procurou em outras modelos, traços suaves e belos, mas com uma personalidade forte.

1109053-well-take-manhattan_FULL

Toda essa criatividade e atitude, ainda não teria espaço fixo dentro da revista. Para manter tudo sobre controle a revista enviou para perto do casal a poderosa Diana Vreeland, que tenta a todo custo manter o padrão sóbrio da revista, mesmo que para isso seja necessário podar a criatividade do efervescente Bailey. 

Seu olhar diferenciado queria mudar a maneira como os editoriais de moda eram feitos, chega do mesmo ponto de vista, isso é mostrado várias vezes dentro do filme. Como na cena em que ele fotografa Jean por de trás da cerca do prédio das Nações Unidas, ou mesmo do outro lado da rua, com um muro com faixas de protesto em evidência.

kameracalendar2

A BBC entrega um excelente material histórico da época em forma de telefilme, a produção se importou muito com as roupas e a ambientação de N.Y e ao recriar as icônicas fotos tiradas para aquele editorial de inverno. A escolha do elenco, não poderia ser mais acertada, a bela Karen Gillian [famosa por Dr.Who] ficou muito bem no papel de Jean, que alterna entre amiga e amante de David. E claro Frances Barber como a intransigente Diana Vreeland.

Então se você gosta de moda ou apenas de fotografia, esse filme é uma excelente escolha, procure We’ll Take Manhattan.

O malditovivant, volta na quarta com mais novidades.

Anúncios

4 comentários em “A mudança da fotografia e da Moda nos selvagens anos 60 [Filme – We’ll Take Manhattan]

  1. celle coelho disse:

    Eu gosto de moda E de fotografia.. só não muito da Karen Gillan hahaha Mas ela é linda, então acho que vale a pena… vou procurar o filme! (:

    Beijo!

  2. Confronto de Idéias disse:

    Ó, gostei de ver!!! 😉

  3. Ingrid A. disse:

    ah como fiquei curiosa pelo filme e pelo fotografo, adorei seu post, q nao eh bem uma resenha nem critica é só um post… adorei adorei
    . uma pena nao ter no meu livro 😦

  4. Thaís disse:

    Amei a indicação! E to apaixonada pelo teu blog. ❤ hauhauh

Comente [Vamos dividir um Drink!]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s