Crossfire Hurricane um documentário dos Stones que deve ser visto.

“I was born in a crossfire hurricane” Jumpin’ Jack Flash.

Os Rolling Stones estão comemorando 50 anos de carreira, sua turnê já começou por alguns lugares do mundo, dessa vez vai ser complicado ver a banda por terras Brasileiras, quem viu aquele Show na Praia de Copacabana, deve ter visto a última apresentação em solo nacional. Como parte das comemorações foi lançado diversos materiais contando um pouco da trajetória dessa grande banda, um desses é o documentário Crossfire Hurricane.

Banda Original

Banda Original

O documentário foi dirigido por Brett Morgen, o diretor fez um bom apanhado dos fatos mais polêmicos da banda, como o seu inicio e o estilo inicial quase como uma boyband [uma tendência da época], o forte assédio das fãs histéricas querendo invadir o palco a todo custo. A transformação “forçada” em Bad Boys [uma luta pessoal contra os Beatles], essa luta fica bem marcada pelas palavras de Keith “Eles usavam o chapéu branco, só nos restou o preto, precisávamos disso, por isso uso ele até hoje”.

Outro fato importante do documentário é o amadurecimento da banda, letras não era mais sobre amor ou casualidades, o misticismo e a influência literária entraram profundamente na banda. A expulsão de John Paul Jones e a sua morte, posteriormente, fez parte do processo do amadurecimento. Uma das partes mais legais desse documentário que é intercalado com imagens da época e comentários [só voz] da banda é uma frase de Charles Waltz sobre a expulsão de Jones: “Foi uma noite que vivo tentando apagar da minha memória, eu não queria estar ali naquele dia, e não foi tão simples e tranquilo como pareceu”.

Em 1969 a banda estava em plena ascensão então Mick teve a ideia de fazer um show gratuito e escolheu a Califórnia para esse Show, para ajudar na segurança a banda chamou a Gangue de Motos Hells Angels [pelo valor de 500 dólares a cada integrante] só que o show saiu do controle pela quantidade de pessoas, a gangue não conseguia mais controlar o público que tentava invadir o palco, no meio da confusão a gangue acabou matando quatro pessoas e ferindo várias outras.

Show que quase acabou com a Banda

Show que quase acabou com a Banda

Esse episódio acabaria com o prestígio da banda, e seus shows cessaram. A falta de shows e o imposto acumulado [culpa de um agente] fizeram a banda fugir do Reino Unido e se refugiar na França e graças a altas doses de drogas a banda fez seu disco mais genial: Exile on Main Street [que teve seu relançamento 2 anos atrás]. Mick conta sobre o processo criativo e como as drogas ajudaram e atrapalharam a finalização do disco: “Por conta das drogas fizemos belos arranjos, mas a equipe toda estava viciada em Heroína, inclusive os engenheiros de som, isso fez cada música demorar uma semana para ser produzida”.

Na época houve o medo da perda de Keith para as drogas. Waltz chegou a comentar: “Toda noite ele saia em busca de alguma droga nova, podíamos ter perdido um grande músico”. O lançamento do disco foi um sucesso, isso elevou a banda novamente, sua dívida estava quase paga e a opinião publica queria novamente a banda.

Ai se deu inicio a era dos Estádios e aos Mega Shows.

Assim termina o documentário, que é um deleite para quem realmente gosta de rock and roll e claro dos Stones. O documentário está em cartaz no canal a cabo HBO, agora só procurar na programação e não perder.

O malditovivant, volta na sexta com novos posts.

Anúncios

3 comentários em “Crossfire Hurricane um documentário dos Stones que deve ser visto.

  1. celle coelho disse:

    Poxa Ferds, cê sempre dá dicas em canais que eu num tenho na tv : P HAHAHA
    Achei bem interessante, vou procurar pra assistir. Nem imaginava sobre esse show polêmico em 1969, que loucura.

    Beijos

  2. Julia Gomes disse:

    Ta ai um documentário que vale a pena. Os Rolling Stones sempre tem histórias interessantes.

  3. Gabriel disse:

    Quem morreu foi o fundador
    Brian Jones …
    Nao o zeppelin John Paul Jones !!

Comente [Vamos dividir um Drink!]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s