Buscando superar o luto (O Refúgio)

“Todos estão morrendo um pouco neste instante”. Vendata

Letargia

Ontem fui ao Reserva Cultural assistir o mais novo lançamento do diretor Frances François Ozon, que tem como seu trabalho mais premiado o filme Swimming Pool, que para alguns tem certo ar Hitchcockiano. Seu novo trabalho. O Refúgio, segue a mesma linha de raciocínio de seus outros trabalhos, onde a superação vinda da perda é algo possível, porém inalcançável.

O filme começa com uma tomada noturna da bela cidade de Paris, então acompanhamos as últimas horas do Casal Mousse e Louis, que assim como Paris, vivem em um ritmo frenético embalado pelas drogas. Louis tem uma overdose e morre, Mouse acorda em um quarto de hospital, onde um médico com a voz leve explica a garota que ela está grávida e que pode escolher entre ter e não ter o filho.

Minutos depois somos levados ao funeral de Louis. A mãe “com o luto” conversa com a bela Mousse e explica, que não gostaria de que ela tivesse o filho. Nessa conversa ela conhece o irmão mais novo de Louis, Paul um personagem sereno e determinado, totalmente ao oposto de Mousse.


O tempo passa e somos transportados para o refúgio e vemos Mousse em uma casa de campo, já com a barriga um pouco maior. Ela recebe então a visita inesperada de Paul, nesse momento ela começa a sentir pior.

Paul lembra muito Louis, ele quer cuidar da mãe desamparada, mas ela não está aberta a isso, tem medo.Com o tempo a solidão e a carencia fazem com que Mousse então projeta Louis em Paul e começa a se apaixonar novamente pela vida e ter a esperança de viver um novo amor, mas como sabemos o final feliz é complicado de se conquistar.


Paul não é realmente quem ela pensa que é, Paul é homossexual, quando ela descobre isso,  acaba caindo novamente na letargia, seu vício por “Metadona” continua e as lembranças de seu antigo amor, que  são reduzidas a um frasco de perfume que ela borrifa toda a noite na cama antes de dormir.

O Drama de Mousse, está totalmente ligado a idealização. Sua paixão só é novamente despertada pq cria no irmão de seu falecido amor a imagem que precisa. E por estar totalmente perdida Mousse, vive a se olhar no espelho, para saber quem realmente é ou quem pretende se tornar. Isso fica mais evidente na cena final do Metrô, onde vemos seu rosto refletido no vidro da janela.

O filme é bem interessante, teve uma boa avaliação da Crítica e se tornou uma das vedetes do Festival Varilux de Cinema. O filme chegou aqui graças a Imovision, mesma empresa de A Bella Junie e O Outro Caminho.


Vale a pena ir ao cinema e provar da tristeza e apreciar a paisagem de mais esse filme do grande diretor François Ozon.


Anúncios

6 comentários em “Buscando superar o luto (O Refúgio)

  1. O mundo de Assim...Assim... disse:

    Parece um filme muito interessante…

  2. Aii fiquei querendo verrrr
    bEIJOS
    J^^h

  3. Marché Noir. disse:

    Bom, eu adoro Drama né. Gosto de filmes de sofrimento e afins, e gosto muito de filmes franceses também. Então, vou esperar que o filme chegue ao meu alcanço e quero assistir.

    PS: Não assisti o boxe, tinha uma festa de noivado no mesmo dia, uma pena!!!
    Abraços, Carolina.

  4. debondan disse:

    Todos estamos morrendo a cada dia…a partir do momento que nascemos.
    Vi e gostei de Swimming Pool deste diretor!
    Dica a conferir !!! Brigaduuuuuuuu ( gostei do “visu” do filme )
    bjo

  5. Marcela Rahal disse:

    iaiiii filhote! ahguieahiuoaehioae
    OOoh respondi o “7 coisas que eu nunca usaria” depois de 1 século eu sei.. aehuiohaeouihaeoi
    Bom… tá la!
    Bjos!!

  6. Ingrid A. disse:

    Quero ver. amo dramas. ainda mais q ja passei por essa de achar q gostava d um cara..e no fundo gostava do q achava q ele era..gostava das minhas idealizações. Por fim, hoje vivo me policiando pra nao repetir. valeu a dica.

Comente [Vamos dividir um Drink!]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s