Um Adeus a um ator real (Dennis Hopper)

“Sonhe como se fosse viver para sempre , viva como se fosse morrer hoje” James Dean

[antes disso Roland Garros]

Ícone Macho

Ícone Macho

Tristemente na tarde de sábado, descobri pelo Portal UOL que o grande ator Dennis Hopper havia falecido, devido a uma complicação do seu câncer.

Hj a nota programada, seria pra homenagear outra lenda [q vive até o dado momento] Clint Eastwood, que hj faz aniversário. E o TCM exibe um especial apartir das 14horas. [recado dado]

Hopper se tornou ícone da contracultura, com o filme Easy Rider [primeiro filme q eu vi com o ator], neste filme ele faz o papel do livre Billy, que junto com seu amigo Wyatt percorrem as estradas dos Estados Unidos em busca de diversão [em breve um post]. Hopper além de atuar fez a direção do filme, sendo ovacionado no dia de sua estréia em Cannes.

Além de Easy Rider, Hopper participou de Apokalipse Now também. E estranhamente descobri ontem que ele participou de Juventude Transviada [ao lado de James Dean]. Foi obrigado a rever o filme, para lembrar desta primeira atuação de Hopper.

Depois de Juventude Transviada, Hopper se tornou amigo de James Dean. Amigos de verdade, tanto que Hopper sofreu com a morte prematura do amigo.

Fora das telas, Hopper era um apreciador da Arte [tendo em sua coleção diversas obras] e amante das mulheres. Essa segunda “paixão” [mulheres] o levou a se casar cinco vezes. Já estava em processo de separação da sua última mulher Victoria Duffy.

Hopper era autêntico e genioso, gostava de um bom Jack Daniels e de Charutos. Viveu a vida no limite, mas mesmo com suas crises nos anos 80 [problemas com drogas] nunca deixou de trabalhar, assim como Dean ele amava o que fazia.

Vamos sentir falta de um ator do calibre de Hopper, ainda mais com a falta de bons atores nos dias de hj. Vivemos em uma nova geração [q gosto de chamar de geração Disney], onde todos são bonzinhos, pregam os bons costumes e a falsa moral e só podem falar mediante a ordem do assessor de imprensa. Atores sem expressão. Atores sem vida. Fabricados para serem bons garotos.

Em Easy Rider

Sorte nossa q ainda resta uma boa safra [Clooney, Di Caprio, Bardem, entre outros poucos] que sabem honrar a velha guarda q já se foi. Bogart, Sinatra, Cooper e claro James Dean [deve ter faltado alguém, claro Laurence Oliver]. Mas hj perdemos um dos melhores Dennis Hopper.

Se vc nunca viu nada de Hopper, recomendo Easy Rider e Veludo Azul.

Um Adeus para um ator de verdade.

Anúncios

2 comentários em “Um Adeus a um ator real (Dennis Hopper)

  1. Priscila disse:

    Eu sei quem é ele, mas confesso que no momento não estou lembrada de nenhum filme que eu assistir com ele, não sabia que ele tinha morrido O.o

  2. Tristeza mesmo. Adoro personalidades fortes, controversas, polêmicas, enfim: os ditos “bad boys”. Porque, como dizia Axl Rose em seus velhos (e booons) tempos, nice boys don’t play rock’n roll !!!!
    Beijoca

Comente [Vamos dividir um Drink!]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s