A última pose da Polaroid (Ela quer voltar)

Eu tinha uma Polaroid…só comprei um filme e nunca mais.

Antes da chegada da era digital no mundo da fotografia, a Polaroid era o que havia de mais avançado na época. Onde vc comprava uma caixinha de filme e conseguia tirar dez chapas [fotos] e não precisava esperar para revelar.

Se vc nasceu nos anos 90 não está entendendo nada do que eu estou falando. Hj em dia vc pode tirar várias fotos e publicar nas suas redes sociais e mostrar para pessoas no mundo inteiro.

Antigamente tudo era diferente, arrisco dizer mais charmoso também. Onde qualidade era mais importante que a quantidade.

Aproveitando a onda do retro a Polaroid depois de quase decretar falência em 2008, tenta seu último tiro, os executivos que controlam a empresa decidiram resgatar esse clássico. Pra isso convocaram a cantora [não sei se devo classificar assim] POP Lady Gaga, para ser uma das executivas da empresa e ainda colocar a Pop Star como o novo rosto da empresa [Até o site da empresa tem uma área só pra cantora]


Essa tática foi usada anos atrás também, quando a empresa passou por dificuldades financeiras, ela recrutou Andy Warhol para usar a máquina em suas obras. O que deu muito certo na época.

Com isso a empresa planeja atrair uma nova fatia de mercado, o público jovem e visando esse “target” a empresa criou uma nova máquina, a Polaroid 300, agora com um formato mais jovem e colorido, mas com a alma original que cativou os amantes da clássica Polaroid.

Muito Moderna pra mim....

A grande diferença agora é que a PIC-300 faz imagens menores do que os antigos modelos da marca, embora o formato clássico tenha sido mantido [bordas brancas ao redor da foto]. Agora as fotos são reveladas no tamanho 5,3 x 8,63 cm contra os antigos 10 x 8 cm.

A câmera vai custar 89 Dólares e seu filme com dez chapas vai sair por 10 Dólares, a previsão que chegue no Brasil até o final do ano.

Eu tive uma Polaroid, era divertido tirar foto com ela, mas os altos valores por filme e a dificuldade de encontrar ajudaram a levar minha máquina ao esquecimento. Por curiosidade eu procurei a máquina no mercado livre e achei modelos iguais a minha por 70 reais, mas o que me deixou mais assustado é que seu filme é vendido por 50 reais.

Vamos torcer para o retorna da Polaroid, que faz parte da história da fotografia e quem sabe eles não voltam a lançar o filme pra minha câmera.