Uma jornada por um mundo devastado (A Estrada o filme)

Vc deve continuar o caminho filho.

Pq papa ?

Vc leva o fogo.

Mas eu não sei onde está o fogo ?

Sabe sim filho, ele está dentro de vc.


[Não vou recomendar este filme. É muito capaz que ninguém goste ou mesmo entenda a sua idéia]


Este fim de semana foi marcado pela estréia de Alice no País das Maravilhas. Eu fugindo do fluxo de pessoas chatas no cinema[não quem gosta de Alice e sim de quem gosta de ir ao filme pra conversar] fui assistir “A Estrada”. No dia 5 de Fevereiro eu tinha acabado de reler o livro e fiz um post contando um pouco deste maravilhoso romance. E contei que ele chegaria ao cinema semanas depois. Isso não aconteceu, o filme chegou, só que com um atraso de quase três meses.

[Clique aqui e leia sobre o livro]

Eu esperei muito por esse filme,  a espera valeu a pena. O filme foi exatamente como eu imaginei, e como o autor do livro Cormac McCarthy imaginou também, já que ele trabalhou lado a lado com John Hillcoat o diretor do filme.

Para o papel do Pai, o diretor chamou o Viggo Mortensen que provou novamente ser um dos melhores atores da atualidade. Como preparação Viggo teve de perder muito da sua massa muscular para chegar ao estado quase cadavérico do Pai.

Viggo é um dos atores favoritos do grande cineasta David Cronenberg, que com ele já filmou dois filmes e tem previsão de rodar mais dois filmes com o ator.

[Clique aqui e leia sobre Cronenberg]

Apesar do Cormac estar presente no SET, o filme pecou [de leve] ao contar alguns fatos marcantes um pouco rápido demais [já q o tempo faz age como personagem do livro]. Senti falta das cenas onde os dois [Pai e Filho] reviram velhas casas em busca de alimentos.

Mas fora isso o filme foi muito bem feito, a paisagem destruída e cinzenta dá ao filme um tom pessimista e tenebroso [como o livro], mas acima de tudo belo. O diretor usa também um excelente artifício que dá um ar mais “doloroso” a tudo, são as cenas coloridas do passado que contrastam com as cenas em cinza do presente.

 

Passado feliz para quem não tem futuro

 

Neste passado lembrado com dor pelo Pai, ele revê a ex-mulher e os belos dias que passaram lado a lado antes do terrível desastre. Vemos os dois na ópera ou mesmo namorando dentro do carro. O Pai ao relembrar dos momentos felizes tem total certeza que seu tempo na terra está acabando e que logo ele não terá mais forças para lutar.

No presente temos momentos fortes, como o encontro com os canibais, onde o Pai com medo do Filho ser apanhado e devorado, coloca a arma na cabeça do Filho, mostrando que a morte será bem melhor que viver nesta terra desolada.


Apesar de toda a catástrofe e o estado de barbárie o Pai tenta a todo custo passar ensinamentos de moral e boa conduta ao seu filho, marca registrada de todo personagem criado por Cormac. Em geral ele sempre testa a moral dos seus personagens os levando a quase total perda da fé.

Apesar do filme ser todo focado no Pai e no Filho, também temos boas atuações de outros personagens com a Mãe [Charlize Theron] que não quer dar a luz ao filho em um mundo sem esperanças. Ou Robert Duval que faz um cego na estrada, que por mero acaso do destino ainda não conseguiu morrer e acredita que Deus abandonou está terra.

 

Duval um fastasma sem fé

 

Um bom filme para ser visto, mas não é filme para ser apreciado por todos. Talvez vc saia da sala e diga: Putz só isso…

Então assista ou leia e tire suas próprias conclusões.


Anúncios

6 comentários em “Uma jornada por um mundo devastado (A Estrada o filme)

  1. Vanessa disse:

    Parece ser mto bom esse filme…eu tô precisando ir ao cinema! Confesso que quero ver Alice, mas todo mundo tá falando que está esgotando mto rápido, então…=]

    Bjosss!

  2. Ingrid Abbade disse:

    Ah até agora não entendo porque você sempre me deixa morrendo de vontade de assistir os filmes que você comenta.
    ALice só quero ver por causa doDepp.Então vou esperar lançar em DVD ou simplesmente esperar streiar na Sky daí eu compro. Não tenho saco pra ficar vendo o que todo mundo vê. Amo cinema vazio..smepre pego os filmes que estão quase saindo de cartaz..e estréia só vejo as que esperei anciosamente como O curiosio caso de benjamin button..ou na e´poca em que achava crepúsculo interessante.
    Enfim..AMEI me ver aqui no teu blog..obrigada meemso por ter sido convidada eee quero ver seu livro favorito hein!
    hahahaha
    Bjão bjão!
    PS.: tô anciosa pra saber qual será minha descrição quando eu tiver ali nos comparsas! rsrsrsrs

  3. nunca li , quem sabe dia desses eu veja ele…ehehehe

  4. Clarissa disse:

    No livro é explicado o que aconteceu com o planeta? Fiquei intrigada com isso…

  5. O mundo de Assim...Assim... disse:

    Fiquei curiosa para ler o livro…
    Bjs, Bjs e muitas saudades!

  6. […] Uma jornada por um mundo devastado [A Estrada o filme] […]

Comente [Vamos dividir um Drink!]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s