Especial Ciclo do Cinema Noir (Inicio de tudo)

“O herói Noir é um cavaleiro. Na sua armadura suja de sangue ele está sujo, e ele faz o seu melhor para negar o fato de que ele é um herói o tempo todo.” Frank Miller.


Neste Mês teremos o especial “Ciclo Cinema Noir”[Então Prepare sua capa de chuva e seu Fedora] , onde toda a Terça vou dedicar um post a este estilo cinematográfico que ficou famosos da década de 40 e que trouxe várias influencias para as novas gerações e seu estilo é copiado até hj [O Troco e Dália Negra, exemplos clássicos]. Decidi criar este especial por conta de dois lançamentos do cinema. A ilha do Medo que estréia dia 12 e O Segredo de seus Olho[Filme Argentino].

O cinema Noir foi criado ao acaso, por conta do êxodo dos diretores da Alemanha nazista aos E.U.A [q foram bem acolhidos pelos estúdios de Hollywood]. O estilo Noir é marcante pelo seu roteiro forte e as vezes violento, onde os personagens são bons e ruins ao mesmo tempo [como na vida real] e o escrúpulo e caráter são duvidosos, isso vale para o herói do filme também, classicamente como diz Frank Miller, um Herói sujo [por estar norteado com a máxima “os fins justificam os meios”].

O estilo do filme refletia na sociedade Americana dos anos 40, onde o crime e a violência estavam estampados nas capas dos folhetins policiais. A maioria dos filmes eram adaptações da literatura, tendo Raymond Chandler como seu maior expoente na literatura [confesso nunca ter li nada deste escritor]. Para se criar um filme Noir ou mesmo sua literatura, devemos considerar algumas coisas.


A principal: “Ninguém é realmente o que aparenta”

Herói Sujo

O Herói do filme [geralmente um Detetive ou Policial] é um homem passível de falhas, com pouca sensibilidade, durão e frio sendo um homem de “meias palavras” [mesmo assim não as mede]. Só que tem um ponto fraco, as mulheres. Nosso “herói sujo” não mede esforços para ajudar uma “Cliente” [normalmente acaba tendo um caso com ele] que chega ao seu escritório na calada da noite, pedindo que a ajude com o desaparecimento da irmã. [Falcão Maltes]

A mulher, de caráter duvidoso, é uma “Femme Fatale” [assim como o termo NOIR foram importados do Francês]. A Femme Fatale como “a tal”, tem o poder de manipular o herói e geralmente [geralmente mesmo] ela está envolvida até o pescoço na trama, por mais inocente que pareça.

Outro personagem marcante é a cidade, sim ela não é apenas um pano de fundo ela é muito mais que isso, a cidade se torna um personagem. Com sua paisagem escura e seus prédios gigantescos, ela participa ativamente da trama, engolindo os personagens e consumindo sua virtude.

Esteticamente falando o filme também deve apresentar alguns detalhes importantes, como a ausência de cores, os principais filmes eram feitos em Preto e Branco. Na verdade o termo Noir vem de Escuro [ausência de luz noite]. Algumas tomadas devem incluir Flashbacks dos personagens [principalmente da vida de nosso herói atormentado]. O uso de narração [na voz do herói Tb], e técnica de Low Key [onde algumas cenas são cortadas com o filme ficando cada vez mais escuro até sumir da tela e voltar em outro ambiente]

Como roteiro o Noir presa pelo uso de alguns “Cliches” para se criar a trama.

Femme Fatale - A Perdição

Geralmente a corrupção está evidente, reviravoltas, [normalmente vc se surpreende como o final] mortes sem conexões aparente, obsessões sexuais [um dos principais motivos para o crime ter sido cometido] e claro traições [pior q uma novela da GLOBO] as traições correm soltas.

Agora deixo vcs com alguns filmes clássicos do Cinema Noir.

O Falcão Maltes [q farei um post especial, aguarde]

A beira do Abismo [1948]

Fúria Sanguinária [1949]

A Marca da Maldade [1958]

Agora indicação de novos filmes do Gênero.

Dália Negra [2006]

O Troco [De 1999, ele tem todos os elementos do Noir apesar disso não é considerado]

Fargo [1996]

Anúncios

6 comentários em “Especial Ciclo do Cinema Noir (Inicio de tudo)

  1. Desi disse:

    Não, e aliás, deveria organizar um com todo o material que tenho solto por aí…

    Quanto aos filmes, cada vez aprendo um pouco mais por aqui.

    bjos

  2. Priscila disse:

    KSAOKASKOASOKSAOK Me lembrei de um filme nada haver, V de vingança NJSIAOSANSJAISOANS
    Para falar a verdade não gosto desse tipo de filme, porque acho MUITO clichê (um dos motivos de não gostar de novela kkkkkk serio….sempre é a mesma coisa hahaha um casal bom [que vão se conhecendo no decorrer da novela] x casal que tenta destruir o casal bom porque a mulher apaixonada pelo o homem bom e o seu “compassa” é apaixonada por ela e faz tudo por ela, até matar se for preciso)
    Mas, tem uma coisa que acho muito legal, é que os personagens quase todos sempre se vestem MUITO bem hehehehehe

  3. Peraí, deixa eu tirar a minha mauser do coldri…

    Eu gosto do Fritz Lang, Hitchcock e John Farrow na linha dos clássicos de filme noir.

    Conheci através do Roman Polanski e do David Lynch, que fazem uma linha pós (ou neo) noir, ou simplesmente influentes do genero. Sem falar de Caes de Aluguel do Tarantino do qual sou groupie e vou fazer um post essa semana.

    Expressionismo alemao, pub’s, whisky, camisa xadrez, tradicionalista… Voce trabalha com o que?

    Só nao me diga que mora no ABC e que é metalurgico ou seguranca do metro.

    Eu frequentava alguns pub’s na Europa, mas meu avo, senhor Gutemberg disse que nao é ambiente para uma dama. Vai contra a moral e aos bons costumes…

    Sinuca dá seguranca… Voce ja jogou poker?

    Um efusivo abraco!

  4. Olá! Vou participar sim, vou bolar a frase e mando no seu mail, ok?!
    Adorei o post sobre cinema noir, a estética me fascina muito e os clichês do genêro, apesar de clichês, são deliciosos e envolventes!
    Beijoca

  5. é aquele tipo de filme que tem o final que todo mundo espera? assim como as novelas da globo°°???

Comente [Vamos dividir um Drink!]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s