Ouvindo no IPOD (Canções de Crooners) #3

“Eu sou suposto ter um Ph.D. sobre o tema da mulher. Mas a verdade é que eu sou freqüentemente reprovado. Eu sou um apreciador de mulheres, eu admiro-as. Mas, como todos os homens, eu não as entendo. Frank Sinatra


[Espero que o Natal tenha sido bom para todos….esta semana trabalhamos normal, só paramos na véspera de ano novo]


Nos anos 30 a industria de americana criou um estilo diferente de cantores, esse estilo é o Crooner[baseado em uma técnica de canto], onde um cantor interpreta sucessos da cultura americana. Normalmente esses Crooners eram apenas cantores que eram acompanhados por uma banda [a banda geralmente era a da casa onde acontecia o show].

Os Crooners nem sempre compunham suas canções, sua real habilidade vinha de fazer a melhor interpretação possível da canção, tanto que certas canções [como Fly Me to The Moon] era interpretada por diversos artistas, mas escrita por Bart Howard, mas o sucesso desta canção se deu na voz de Sinatra.

Os Crooners por seu glamour estavam ligados diretamente com o cinema, como Dean Martin que além de Crooner era ator de cinema, geralmente eles emprestavam suas vozes e seu charme para os musicais que invadiram o cinema nos anos 40.

As canções geralmente são ligadas a esse mundo da boemia e da tristeza do amor. Hj em dia esse “estilo”, está um pouco aposentado, mas temos uma nova geração de Crooners, como Jane Monheit um das maiores interpretes desta nova geração.

Então prepare seu Drink [leia como preparar um Dry Martini] e curta o último IPOD BURN do ano.

5º Amy Winehouse – Wake Up Alone [He gets fierce in my dreams
Seizing my guts /He floats me with dread/Soaked to the soul/He swims in my eyes by the bed/Pour myself over him/Moon spilling in/And I wake up alone]

A senhorita Winehouse, não é necessariamente uma Crooner, mas ela tem todo o glamour e estilo baseado neles , tanto q seu estilo de canto é tido como clássico e Amy é influenciada por este estilo, tanto que seu primeiro disco [Frank] é uma homenagem a Sinatra.

A tristeza e o acompanhamento da música é totalmente o estilo dos Crooners, fazendo assim essa canção entrar para a lista. Essa que pra mim é a música mais bonita da Senhorita Winehouse.

Ainda na boa fase

4º Jane Monheit – Cheek to Cheek [Heaven/I’m in heaven/And my heart beats so that I can hardly speak/And I seem to find that happiness I seek/When we’re out together swinging cheek to cheek]
Jane é uma das novas promessas deste estilo, em sua carreira já lançou 9 discos, um deles com a participação especial do Brasileiro Ivan Lins ao piano e fazendo um pequeno Dueto com ela. Aqui no Brasil ela é bem famosa graças a esse dueto.

Jane tem todo a postura e o Glamour necessário para ser uma Crooner, aqui eu trouxe uma interpretação da música Cheek To Cheek, uma canção de amor composta por Irving Berlin e que alcançou fama também na voz de Sinatra.

Leia mais sobre Jane [Clique aqui]

Como é linda

3º Dean Martin – Everybody loves somebody [Everybody loves somebody sometime/ Everybody falls in love somehow/Something in your kiss just told me/My sometime is now]

Dean Martin foi um dos mais influentes personalidades de Hollywood, estrelou filmes no cinema, séries de TV e vivia a se apresentar em bares e cassinos. Pertencente ao RAT PACK [Clubinho criado por Sinatra]. Dean era famoso com as mulheres, por ter uma bela voz e estar sempre impecável com seu terno.

Dean Martin, tem 3 estrelas na calçada da fama [é difícil ter uma, imagine três] Dean quando se apresentava chegava até a ofuscar o brilho de Sinatra.

Ele ofuscou Sinatra

2º Frank Sinatra – Fly me to the moon (In other Words) [Fly me to the moon and /Let me play amoung the stars/Let me see what spring is like On jupiter and mars]

Sinatra fundou o RAT PACK, um clube formado pelos melhores interpretes da época, com isso estrelou o filme, Ocean Eleven. Além deste filme Sinatra participou de mais de 50 na sua era, tida como a era de ouro do cinema.

Sinatra era o melhor na arte de Crooner, vivia a encantar o publico e com isso arrebatou o coração de Ava Gardner e Lauren Bacal, as mulheres mais bonitas e glamurosa de sua época.

Sinatra é o expoente deste estilo, por seu comportamento e a vida q levou. Quando faleceu sua lápide levou a inscriçãoThe Best Is Yet To Come [O melhor ainda está por vir].


1º Tony Bennett – Steppin Out With My babe [Steppin’ out with my baby/Can’t go wrong ’cause I’m in right/It’s for sure, not for maybe/That I’m all dressed up tonight/Steppin’ out with my honey/Can’t be bad to feel so good/Never felt quite so sunny/And I keep on knockin’ wood]

Tony Bennett atingiu seus 83 anos e ainda continua na estrada, neste ano fez um show que lotou dois dias a casa em São Paulo. E repetiu a dose ainda no Rio. Sua voz é inigualável, ele está em primeiro lugar, pq Sinatra chegou a dizer: “que se existe um grande interprete, que canta com a alma, este é Tony Bennett”

Recentemente Bennett foi agraciado com um Grammy pela sua apresentação da canção acima junto com Christina Aguilera [outra grande cantora] do seu disco Duets, onde faz dueto com a esta nova geração de cantores de música POP.

Ainda em atividade

[Clique aqui e baixe os melhores Crooners]

Anúncios

Comente [Vamos dividir um Drink!]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s